Todos

Curso de Arquitetura em 4 anos na Faculdade Unicampo

A grande novidade na Faculdade Unicampo no ano de 2017 foi o curso de Arquitetura que tem como objetivo a formação de profissionais hábeis a pensar e conceber espaços urbanos e edificados unindo estética, conforto e funcionalidade. Outro diferencial é que o aluno termine sua graduação em quatro anos.

 O coordenador do curso de Arquitetura, André Pintaro Marçal, ressaltou a importância do mesmo. “O nosso curso tem um diferencial com relação às outras instituições, são 4 anos, ao invés de 5, e a carga horária exigida pelo MEC é a mesma. Não temos aulas vagas nos horários, assim o aluno tem o mesmo conhecimento, com qualidade, porém em um tempo menor.

Desde o primeiro semestre, o aluno da Unicampo já participa de atividades que o coloca em contato com a atuação do profissional, por meio de matérias teóricas e práticas. Disciplinas como Desenho Arquitetônico, Meios de Expressão e Representação, Projeto Arquitetônico, Planejamento Urbano, Ecologia, Paisagismo, entre outras, compõem a matriz curricular do curso de graduação.

André falou, também, da grade curricular do curso na Unicampo “A nossa grade curricular é composta por disciplinas específicas de um curso de Arquitetura e Urbanismo, com conhecimentos necessários para o nosso aluno se tornar um profissional de excelência. Nossos alunos estão muito satisfeitos com o nosso projeto, e se mostraram muito surpreendidos e felizes com o que têm vivenciado no Campus, e isso é o resultado de um trabalho sério que estamos desenvolvendo há quase 3 anos para recebê-los, resultado do comprometimento de toda a nossa equipe técnica, professores e da Faculdade Unicampo.”

Profissional: É o Arquiteto/Urbanista quem planeja, organiza, e projeta ambientes internos e externos, espaços urbanos, projetos paisagísticos e arquitetônicos de todos os portes, além de atuar no desenvolvimento de mobiliário, patrimônio histórico etc.

Tudo isso levando em consideração diversos fatores como a funcionalidade, harmonia, ventilação, conforto, iluminação, acústica, ergonomia, acessibilidade, entre outros aspectos sociais e humanos.


Deixe um comentário