Juventude Memória do Movimento Estudantil Política Todos

Em São Paulo: líderes estudantis são detidas por lutarem contra o fechamento de escolas

camila lanesA presidente eleita da UBES – União Brasileira dos Estudantes Secundaristas, Camila Lanes (foto), e a presidente da UPES – União Paulista dos Estudantes Secundaristas, Angela Meyer, foram detidas pela Polícia Militar de São Paulo.

As duas líderes estudantis foram acusadas de invasão de patrimônio público por estarem junto aos estudantes do Colégio que protestam contra o fechamento de escolas no Estado de São Paulo.

Camila Lanes comentou o incidente: “O delegado decidiu que nós não tínhamos de fato feito nenhum dano ao patrimônio da escola, apenas tínhamos ‘invadido’, por isso decidiram nos liberar” e ainda convocou os estudantes para se manter na resistência: “Tem estudante dormindo no chão em cima da cortina da sala de aula. Já temos mais 40 escolas ocupadas. Vamos com tudo ocupar mais escolas para barrar essa desorganização do Alckmin” afirmou.


Deixe um comentário