Política Todos

Beto e Fernanda Richa são condenados em segunda instância por viagem a Paris

A 4ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Paraná (TJ-PR) manteve a condenação do ex-governador Beto Richa (PSDB) e de sua esposa Fernanda Richa. Os dois são alvo de ação popular que cobrava o ressarcimento de diárias pagas pelo governo em uma “parada técnica” de dois dias em Paris na França.

A “parada técnica” aconteceu durante a viagem oficial realizada em 2015. No entanto, não havia nenhum compromisso oficial de Richa e sua esposa em Paris, o que gerou o questionamento.

O julgamento foi adiado devido a pedidos de vistas. A condenação já é em segunda instância e o ex-governador já declarou que irá recorrer.


Deixe um comentário