Política Todos

De acordo com a Veja, Moro orientava ilegalmente ações da Lava Jato

A Revista Veja divulgou nessa sexta-feira, 5, reportagem em parceria com o The Intercept Brasil, em que mostra diálogos inéditos do então juiz Sergio Moro, atual Ministro da Justiça de Jair Bolsonaro (PSL), e procuradores da Força Tarefa da Lava Jato.

De acordo com a revista, foram analisadas 649 551 mensagens e 0 material divulgado é, segundo a publicação verdadeiro: “Palavra por palavra, as comunicações examinadas pela equipe são verdadeiras e a apuração mostra que o caso é ainda mais grave” (clique aqui para ver a matéria completa da Veja).

As novas mensagens que foram publicadas mostram, por exemplo, que Dallagnol chegou a enviar uma peça para o Juiz “quase pronta” antes de protocolar oficialmente. Em outro trecho das mensagens, Moro cobrou o procurador chefe da Lava Jato sobre uma possível delação do ex-presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha.

De acordo com nota enviada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública à revista Veja, Moro não reconhece a autenticidade do que classificou de “supostas mensagens”.


Deixe um comentário