Política Todos

Governo Temer congela salários de servidores que reagem e marcam paralisação

Servidores públicos federais decidiram nesta terça-feira, 15, que farão ao final deste mês de agosto um dia nacional de paralisação contra o congelamento dos salários dos servidores anunciado pelo governo Temer (PMDB).

O dia nacional de protesto será realizado entre os dias 29 e 31 de agosto. A intenção é mostrar ao governo Temer que se ele insistir nesta ideia, os servidores irão endurecer.

O Presidente do Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais, Carlos Silva, garante que os diversos sindicatos dos servidores estão trabalhando juntos: “estamos articulados para reagir, inclusive juridicamente, se o governo insistir em tirar os direitos adquiridos pelos trabalhadores” enfatizou.


Deixe um comentário