Política Todos

Justiça nega Habeas Corpus e Beto Richa continua preso

O desembargador Laertes Ferreira Gomes, da 2ª Vara Criminal do Tribunal de Justiça do Paraná (TJ-PR), negou os pedidos de habeas corpus apresentados pelas defesas do ex-governador e candidato ao Senado, Beto Richa e a esposa e ex-secretária da Família e Desenvolvimento Social, Fernanda Richa.

Beto e Fernanda Richa foram presos na última terça-feira, 11, em pelo GAECO, em uma investigação que apura possível desvio de dinheiro no programa Patrulha do Campo.

De acordo com o Ministério Público do Paraná, o ex-governador é chefe de uma organização criminosa que fraudou uma licitação de mais de R$ 70 milhões.

O desembargador afirmou que a prisão do casal Richa é imprescindível para a continuidade da investigação: “é de fato imprescindível para a continuidade das investigações, uma vez que se trata de complexo esquema criminoso a envolver ex-agentes públicos que ocuparam cargos políticos de alta importância”.

Beto Richa e sua esposa Fernanda Richa estão detidos no Regimento de Polícia Montada, no bairro Tarumã, em Curitiba, após serem transferidos do Complexo Médico Penal (CMP), em Pinhais.


Deixe um comentário